Blog

logo_2016_newA vida é feita de mudanças. E até gosto delas. Por isso, resolvi começar 2013 de “casa nova”.

Há quatro anos eu vinha compartilhando minha ideias no Comuniqueia Desvairada. Porém, o espaço não tinha mais como acompanhar as transformações pelas quais eu passei. Ingressei na academia, comecei a trabalhar em um veículo de comunicação e essa nova etapa me levou a outros caminhos. Continuo tendo sede de expressão, mas de um jeito diferente, com novas vibrações. Foi assim que surgiu o nome Travessia. A passagem de uma fase a outra, o processo de mudança interior, que agora se torna também exterior. Eu estou em movimento e quero levar os meus leitores a atravessar essa ponte comigo.

No início, este era um espaço em que eu falava de música, relacionamentos, fatos cotidianos… Escrevia cada frase com o objetivo de mostrar a minha visão, um recorte daquilo que eu observo a respeito dos comportamentos a minha volta. No entanto, como este blog me acompanha em cada etapa da minha trajetória, também sofre alterações conforme vou descobrindo e redescobrindo o mundo.

A leitura e os livros sempre fizeram parte da minha vida e agora estão ainda mais presentes. Não apenas como minha atividade preferida no universo, mas também como campo de pesquisa. Por isso, o Travessia ficou diferente. Mantive os textos antigos para quem ainda quiser [re]visitá-los, mas o foco agora é expor pensamentos de forma dinâmica, reflexiva e particular acerta da leitura (com um pezinho no cinema e no universo das séries). Longe de mim dizer que farei deste um espaço de crítica literária, quero apenas partilhar minhas impressões e paixões com vocês. Costumo dizer que não sou a dona da verdade, mas carrego o meu jeito de significar e é ele que aparecerá em cada texto. Espero que aproveitem esta travessia tanto quanto eu.

Agora um recadinho importante:

Todos os direitos do blog Travessia estão reservados à Natália Gomes. Por isso, não faça cópias! Lembrem-se: plágio é crime, previsto no Código Penal. Sendo assim, os textos só poderão ser reproduzidos – parcial ou totalmente – mediante autorização.

Caso você queira citar apenas um trecho (seja nas redes sociais ou no seu próprio blog), dê o devido crédito e poste o link do Travessia. Assim, além de cumprir a lei, você também ajuda a divulgar meu espaço. Maaaas, atenção! Citações superiores a 8 linhas são proibidas – serão consideradas plágio e poderão ser tomadas as medidas judiciais cabíveis.

Se você tiver algum interesse em firmar parceria ou quiser solicitar autorização de postagem, basta mandar um e-mail para: travessiablog8@gmail.com e eu responderei o mais breve possível.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s