Múltipla Escolha, eis a questão!

Está a procura de um livro nada convencional e cheio de conteúdo? Então, aventure-se sem medo nessa obra de Alejandro Zambra. O autor consegue abordar temas como política, família, educação, ética e comportamento de uma forma envolvente e SUPER original. Nos moldes de uma prova – isso mesmo! Com alternativas a selecionar e tudo – vemos um olhar ácido, mas também muito verdadeiro sobre a sociedade.

Alejandro Zambra: “En general todos los libros son acerca de pertenecer”
Foto de Aldo Perán, disponível no link.

Alejandro Zambra (1975-) é um escritor chileno que tem sido aclamado pela crítica e feito sucesso com o público. Exemplo disso é a sua lista de prêmios e indicações. Em 2010, a revista britânica Granta o elegeu como um dos 22 melhores escritores de língua espanhola com menos de 35 anos e, em 2014, recebeu o prêmio Prince Claus Fund. No Brasil, ele publicou Bonsai (2012), A vida privada das árvores (2013), Formas de voltar para casa (2014), Meus documentos (2015) e agora Múltipla Escolha (2017), pelo selo TusQuets da editora Planeta.

Quando eu li na sinopse que era difícil encaixar esse livro em um gênero literário, logo me interessei. Porém, jamais imaginei que encontraria algo tão espirituoso. São perguntas e respostas, como num teste – tipo de vestibular ou de concursos. Aliás, essa foi a inspiração de Zambra: a Prova de Aptidão Verbal, aplicada no Chile entre 1966 e 2002. A partir disso, ele discute fatos que ocorreram no país, como o período da ditadura militar de Augusto Pinochet, assim como utiliza o humor para falar dos comportamentos sociais, sem moralismos.

3) Educar

A) ensinar

B) mostrar

C) treinar

D) domesticar

E) programar

*Exercício para identificar qual palavra é destoante em relação ao enunciado, p. 13.

Desigualdade, relacionamentos, memória, instituições… Tudo virou tema para questões de interpretação textual, uso de conjunções, eliminação de orações e afins. O leitor é colocado frente a múltiplas possibilidades de escolha. Contudo, não há aquela rigidez das provas escolares… O que descobrimos ao longo desse livro é que não há apenas uma única resposta correta. Pelo contrário, às vezes, todas as opções produzem sentidos coerentes, ainda que diversos. Em uma entrevista para a Revista Cult, o autor disse uma frase que me marcou bastante: “Creio que este é um livro sobre a ilusão de uma resposta”. Forte né???

No fim das contas, Múltipla Escolha é uma narrativa? Acredito que sim. E das boas. Embora fuja das estruturas de um conto, de um romance, etc. (o que faz a leitura ser fluida, daquelas que terminamos em uma parada), a linha mestra da história que Zambra propõe permanece clara. É um jogo complexo, cheio de discussões ideológicas. É dinâmico e inusitado. É instigante e delicado. Leve e pesado. Há pancadas sarcásticas e duras, ao mesmo tempo em que aparecem toques sutis de indignação. É um livro sobre excluir e incluir, sobre a construção de ilusões e a revelação de que nem sempre precisamos delas.

Resultado de imagem para múltipla escolha alejandro zambraAutor: Alejandro Zambra

Tradutor: Miguel Del Castillo

Editora: Planeta

Selo: TusQuets

Páginas: 112

Edição: 2017

Idioma: Português

Acabamento: Brochura

I.S.B.N.: 9788542208290

Stars: 3

Salvar

Salvar

Anúncios

1 comentário Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s