Sobre o Oscar: premiações, gafes e destaques

A cerimônia de premiação do Oscar 2017, realizada ontem (26/02), está dando o que falar! Quando apresentamos os indicados, escrevemos sobre a escolha da Rede Globo em exibir o Carnaval do Rio e como seria a apresentação no Dolby Theater (LA), não imaginávamos que haveria confusão no anúncio de Melhor Filme, uma diversidade super positiva nas escolhas, protestos contra e a favor de Donald Trump, polêmica envolvendo o ator Casey Affleck e mais. Quem costuma achar a “noite do cinema” uma tremenda chatice, super careta e de premiações “marcadas”, deve, no mínimo, ter se surpreendido com os acontecimentos.

Resultado de imagem para meme oscar 2017
A internet não perdoa! É claro que acabaram comparando a gafe do Oscar à do Miss Universo.

Comecemos, então, com o erro na entrega do prêmio de Melhor Filme. Quem imaginaria quanto estrago um envelope pode causar né? [risos]. Foi a primeira gafe desse tipo em 89 anos de história do Oscar… Pior que calhou de acontecer justamente na categoria mais importante da noite. O que, de fato, aconteceu foi que, quando Warren Beatty retirou o cartão do envelope com o vencedor, estava escrito “Emma Stone – La La Land” e ele não entendeu o que era aquilo. Ao invés de já “gritar” pela produção, ficou meio paralisado. Enquanto isso, Faye Dunaway pensou que o colega estava brincando, fazendo uma gracinha antes de anunciar o filme. Warren olhou para as laterais do palco, em busca de socorro, mas, a equipe o deixou na mão. Devido à insistência de Dunaway em querer saber o que estava escrito, o ator acabou lhe mostrando o cartão e ela fez o anúncio: La La Land. Tooooooda a equipe da produção subiu ao palco, feliz da vida, e três produtores já haviam feito os discursos de agradecimento, quando, finalmente, a confusão se desfez. Jordan Horowitz, um dos produtores do longa, foi quem abriu o jogo: “Caras, caras. Não. Sinto muito. Há um erro. ‘Moonlight’, vocês ganharam como Melhor Filme. Isso não é uma brincadeira“, enquanto oferecia “sua” estatueta. Ele mesmo mostrou para a câmera um envelope com o verdadeiro vencedor: Moonlight: Sob a luz do Luar.

Em sua conta no Twitter, a PricewaterhouseCoopers – empresa de auditoria responsável pelos envelopes com os vencedores de cada categoria do Oscar – emitiu uma nota logo após a premiação com um pedido de desculpas a Moonlight, La la land, Warren Beatty, Faye Dunaway e ao público da premiação (ver imagem acima ou acessar o link). Eles também agradeceram a forma leve como os indicados, a Academia, a ABC e Jimmy Kimmel lidaram com a situação. Além disso, estão investigando como o erro pode ter acontecido. Afinal, foi, no mínimo, constrangedor.

Apesar de não ter conquistado o prêmio de Melhor Filme, La La Land ainda foi a produção que mais levou estatuetas do Oscar 2017 para casa, vencendo seis das 14 categorias as quais foi indicado. É verdade também que passou longe de tooooda aquela expectativa de bater o recorde de 11 vitórias de Ben Hur, Titanic e O Retorno do Rei… Nem sempre os queridinhos levam a melhor né?

Mudando de cena… Rolou certa tensão quando Casey Affleck foi anunciado como Melhor Ator, por Manchester à Beira-Mar. Primeiro, as apostas iam para Denzel Washington, de Um limite entre nós [que ficou bem irritado quando perdeu]. Segundo, Casey foi acusado de assédio sexual durante as gravações do documentário [polêmico] Eu Ainda Estou Aqui (2010). Na época, a produtora, Amanda White, e a diretora de fotografia, Magdalena Górka, processaram o ator em US$ 4,5 milhões, alegando abuso físico e psicológico. As ações não chegaram a ser levadas ao tribunal, de modo que foram feitos acordos extrajudiciais, sem divulgação de valores.

Na verdade, o ponto principal foi que, no começo do ano, o filme O nascimento de uma nação, então cotado ao Oscar, viu suas chances descerem pelo ralo. Isso porque, o diretor e ator Nate Parker e o roteirista Jean McGianni Celestin foram acusados de estuprar uma mulher, juntos, em 1999. Celestin foi condenado e Parker, absolvido. Lamentamos dizer que a mulher se suicidou em 2012. Esse caso, obviamente, atrapalhou a divulgação do filme e acabou por matar, até mesmo, as possibilidades de indicação ao Oscar. O questionamento que muitos fizeram foi: Por que o mesmo não ocorreu com Casey Affleck?

Agora vamos falar de coisa boa! Até os filmes mais pop tiveram vez no Oscar 2017. Animais Fantásticos e Onde Habitam, por exemplo, conquistou o primeiro Oscar da franquia Harry Potter, como Melhor Figurino. E Esquadrão Suicida, então?? Contra todas as expectativas, esse filme totalmente inusitado levou a estatueta de Melhor Maquiagem e Penteado. Embora alguns indicados tenham ficado felizes, como os dois citados, alguns longas que estavam bem cotados e/ou tinham várias indicações acabaram indo pra casa de mãos vazias. Foi o que aconteceu com A Qualquer Custo (quatro indicações) e Jackie (três indicações). Agora, fala sério… O que foi Mogli: o menino lobo ganhando em Efeitos Visuais ao invés de Rogue One ou Doutor Estranho? Pelo amor… Esse pessoal não pode ter assistido ao mesmo filme que eu. Na minha humilde opinião, foi PÉSSIMO, principalmente no que diz respeito aos efeitos. Fiquei CHOCADA!

E Viola Davis? Ahhhhh gente, ela super merecia. Estava quase com as mãos no Oscar desde 2009, quando concorreu a Melhor Atriz Coadjuvante por Dúvida e, depois, em 2012, como Melhor Atriz pelo trabalho em Histórias Cruzadas. Aliás, vale mencionar que, com a nomeação deste ano, Viola se tornou a primeira atriz negra a ser indicada três vezes ao maior prêmio do cinema. A estatueta veio para coroar o trabalho dela em Um Limite entre Nós, o qual já tinha lhe rendido várias honrarias, como o BAFTA e o Globo de Ouro. Inclusive, esse é o ano da atriz… Em janeiro, ela ganhou sua estrela na Calçada da Fama de Hollywood. Em um discurso emocionado, declarou: “Eu me tornei uma artista. E esta é a única profissão que celebra o que significa viver uma vida“. Assista a versão completinha, vale a pena!

O Oscar também teve espaço para protestos. Algumas das celebridades presentes usaram uma fita azul presa em suas roupas de gala. O objetivo era demonstrar apoio a União Americana pelas Liberdades Civis, que se opõe a Donald Trump. Já o diretor iraniano, Asghar Farhadi, vencedor da categoria de Melhor Filme Estrangeiro, com O apartamento, não compareceu à cerimônia. Em carta, ele explicou que tomou essa decisão em respeito à população do seu país e a outros imigrantes que não podem mais entrar nos Estados Unidos, devido ao banimento de muçulmanos imposto por Trump. Maaaas, quem é a favor dos ideais do presidente também teve voz; antes da premiação, seus apoiadores  protestaram contra a “elite de Hollywood”, perto do Dolby Theater.

É isso, gente. Teve de tudo mesmo. E, querem saber, achei que houve pontos muito bem positivos.

Sem mais delongas… Vamos à lista dos vencedores?

Resultado de imagem para moonlight filme  capaMelhor Filme

Até o Último Homem

A Chegada

Estrelas Além do Tempo

Lion – Uma Jornada Para Casa

Manchester à Beira-Mar

Moonlight – Sob a Luz do Luar

Um Limite Entre Nós

La La Land – Cantando Estações

A Qualquer Custo

 

Resultado de imagem para Damien ChazelleMelhor Direção

Dennis Villeneuve, A Chegada

Mel Gibson, Até o Último Homem

Damien Chazelle, La La Land – Cantando Estações

Barry Jenkins, Moonlight – Sob a Luz do Luar

Kenneth Lonergan, Manchester À Beira-Mar

 

Imagem relacionadaMelhor Atriz

Isabelle Huppert, Elle

Ruth Negga, Loving

Natalie Portman, Jackie

Emma Stone, La La Land – Cantando Estações

Meryl Streep, Florence – Quem é Essa Mulher?

 

Resultado de imagem para casey affleckMelhor Ator

Denzel Washington, Um Limite Entre Nós

Ryan Gosling, La La Land – Cantando Estações

Casey Affleck, Manchester À Beira-Mar

Andrew Garfield, Até o Último Homem

Viggo Mortensen, Capitão Fantástico (Captain Fantastic)

 

Resultado de imagem para Viola DavisMelhor Atriz Coadjuvante

Naomie Harris, Moonlight – Sob a Luz do Luar

Viola Davis, Um Limite Entre Nós

Nicole Kidman, Lion – Uma Jornada Para Casa

Octavia Spencer, Estrelas Além do Tempo

Michelle Williams, Manchester À Beira-Mar

 

Resultado de imagem para Mahershala AliMelhor Ator Coadjuvante

Jeff Bridges, A Qualquer Custo

Mahershala Ali, Moonlight – Sob a Luz do Luar

Lucas Hedges, Manchester à Beira-Mar

Michael Shannon, Animais Noturnos (Nocturnal Animals)

Dev Patel, Lion – Uma Jornada Para Casa

 

Resultado de imagem para zootopia filme cartazMelhor Animação

Kubo e a Espada Mágica

Moana – Um Mar de Aventuras

Minha Vida de Abobrinha

Zootopia

A Tartaruga Vermelha

 

Resultado de imagem para Piper disney pixar cartazMelhor Curta-metragem Animado

Blind Vaysha

Borrowed time

Piper

Pear Cider and Cigarettes

Pearl

 

Imagem relacionadaMelhor Roteiro Original

A Qualquer Custo

La La Land – Cantando Estações

The Lobster

Manchester à Beira-Mar

20th Century Women

 

Resultado de imagem para moonlight cartazMelhor Roteiro Adaptado

A Chegada

Um Limite Entre Nós

Moonlight – Sob a Luz do Luar

Lion – Uma Jornada Para Casa

Estrelas Além do Tempo

 

Resultado de imagem para La La Land - Cantando Estações cartazMelhor Fotografia

A Chegada

Moonlight – Sob a Luz do Luar

La La Land – Cantando Estações

Silence

Lion – Uma Jornada Para Casa

 

Resultado de imagem para Os Capacetes Brancos cartazMelhor Documentário de Curta-metragem

Extremis

41 Miles

Os Capacetes Brancos

Joe’s Violin

Watani: My Homeland

 

Resultado de imagem para OJ: Made in America cartazMelhor Documentário de Longa-metragem

Fire at Sea

I Am Not Your Negro

Vida, Animada

OJ: Made in America

A 13ª Emenda

 

Resultado de imagem para The Salesman (Irã) cartazMelhor Filme Estrangeiro

Land of Mine (Dinamarca)

A Man Called Ove (Suécia)

The Salesman (Irã)

Tanna (Austrália)

Toni (Alemanha)

 

Resultado de imagem para Até o Último Homem cartazMelhor Edição

A Chegada

Até o Último Homem

A Qualquer Custo

La La Land – Cantando Estações

Moonlight – Sob a Luz do Luar

 

Resultado de imagem para la la land cartazMelhor Design de Produção

A Chegada

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Ave César!

La La Land – Cantando Estações

Passageiros

 

Imagem relacionadaMelhores Efeitos Visuais

Horizonte Profundo

Doutor Estranho

Mogli: O Menino Lobo

Kubo e a Espada Mágica

Rogue One: Uma História Star Wars

 

Resultado de imagem para Animais Fantásticos e Onde Habitam cartazMelhor Figurino

Aliados

Animais Fantásticos e Onde Habitam

La La Land – Cantando Estações

Jackie

Florence: Quem é Essa Mulher?

 

Resultado de imagem para Esquadrão Suicida cartazMelhor Maquiagem e Penteado

Star Trek: Sem Fronteiras

Esquadrão Suicida

A Man Called Ove

 

 

Resultado de imagem para la la land cartazMelhor Trilha Sonora

Jackie

La La Land – Cantando Estações

Lion – Uma Jornada Para Casa

Moonlight – Sob a Luz do Luar

Passageiros

 

Resultado de imagem para la la land cartazMelhor Música Original

“Audition (The Fools Who Dream)”, La La Land – Cantando Estações

“Can’t Stop the Feeling”, Trolls

“City of Stars”, La La Land – Cantando Estações

“The Empty Chair”, Jim: The James Foley Story

“How Far I’ll Go”, Moana

 

Imagem relacionadaMelhor Edição de Som

Horizonte Profundo

Até o Último Homem

A Chegada

La La Land – Cantando Estações

Sully: O Herói do Rio Hudson

 

Resultado de imagem para o ultimo homem cartazMelhor Mixagem

A Chegada

Até o Último Homem

La La Land – Cantando Estações

Rogue One: Uma História Star Wars

13 Horas: Os Soldados Secretos de Benghazi – (Indicação cancelada)

Salvar

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s