Estamos exigentes demais

em

tumblr_l3p00vuy4n1qaj5o0o1_500Estamos seletivos demais. E não por motivos nobres, pelo contrário, nos agarramos a razões fúteis. Beleza, posição social, conta bancária, são esses os quesitos que nos importam. Personalidade? Valores? Capacidade intelectual? Criatividade? Bom humor? Ninguém vê essas coisas. E se não vê, não faz sentido. Queremos mostrar o companheiro (a) como um troféu. Se não é bom o bastante para os outros, não é para nós. Visão equivocada.

Nossa vontade é passar a vida entre gente bonita, bacana e descomplicada. Se você não cabe nessa descrição, parabéns. Significa que você não vive num comercial de cerveja, namorando uma moça de comercial de absorvente e caminhando, a passos largos, para construir uma família de comercial de margarina.

Como diz Ivan Martins, em seu texto “Fora da caixa”, existe um “padrão comum de qualidade”. Procuramos mais ou menos o mesmo tipo de parceiro que as nossas amigas, que os nossos familiares. Todo mundo parece estar em busca da mesma vida. Estamos tão ligados às aparências, que nos fechamos para o mundo, para as novas experiências, para o diferente. Afastamos pessoas com personalidades interessantes, que poderiam nos fazer felizes. Limitamos nossas experiências de vida.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s